Consultoria em

Hidrologia e

Hidráulica

Livro: Evapotranspiração

 

A evapotranspiração é importante para a previsão de consumo de água em irrigação de praças públicas, empreendimentos imobiliários com grandes áreas verdes e as vezes até a existência de campos de golfe.

Livro: Cronologia da Água de Guarulhos

 

O objetivo deste trabalho é contar um pouco da história da água no município de Guarulhos até 31 de dezembro de 1996 enquanto trabalhei no SAAE de Guarulhos.

Livro: Água Pague Menos

 

1ª Atitude: Peças que economizam água
2ª Atitude: Medição individualizada e monitoramento de consumo
3ª Atitude: Aproveitamento de água de chuva
4ª Atitude: Reúso, Biodisco e MBR

Livro: Economia de Água

 

Um estudo sobre medidas convencionais e não-convencionais do uso racional da água

Livro: Previsão de Consumo de Água

 

Durante os 30 anos em que trabalhamos no SAAE de Guarulhos, notamos a importância de inúmeras informações que faltam para os projetistas de instalações prediais de água fria e de esgoto sanitário com relação ao serviço público. O que procuramos neste livro, é facilitar aos projetistas, os conhecimentos e as discussões sobre estas interfaces.

Livro: Remoção de sedimentos em BMP´s

Os assuntos que iremos tratar se referem a poluição difusa, que é aquela gerada pelo escoamento superficial da água em zonas urbanas e provém de atividades que depositam
poluentes, de forma esparsa, sobre a área de contribuição da bacia hidrográfica.

Livro: BMP's Best Management Practices (melhoria da qualidade das águas pluviais)

A poluição difusa é aquela gerada pelo escoamento superficial da água em zonas urbanas e que provém de atividades que depositam poluentes, de forma esparsa, sobre a área de contribuição da bacia hidrográfica. Existem dois tipos básicos de poluição: pontual e difusa. Uma cidade que lança o seu efluente num curso d´água através de uma única tubulação é uma poluição pontual. Quando a poluição não pode ser identificada e cobre uma área extensa, como aquela provinda das chuvas em uma cidade que molham os telhados, os jardins, as ruas, etc levando consigo uma infinidade de poluentes para os cursos d´água, neste caso temos a poluição difusa.

Livro: Critério Unificado para Manejo das Águas Pluviais em Áreas Urbanas

Pretendo neste livro mostrar um critério unificado para a construção de reservatórios em áreas
urbanas, para controlar além das enchentes como normalmente ocorre no Brasil, como também da erosão e melhoria da qualidade das águas pluviais.

Livro: Consumo de Água em Paisagismo

Vamos relembrar alguns conceitos fundamentais de irrigação e de evapotranspiração.  Introduzimos alguns conceitos do LEED- Green Building para paisagismo. Os capítulos foram feitos de maneira que possam ser lidos independentemente um do outro.

Livro: Cálculos hidrológicos e hidráulicos para obras municipais

Vamos relembrar alguns conceitos fundamentais de irrigação e de evapotranspiração.  Introduzimos alguns conceitos do LEED - Green Building para paisagismo. Os capítulos foram feitos de maneira que possam ser lidos independentemente um do outro.

Livro: Golpe de Aríete em Casas de Bombas

TRANSIENTES HIDRÁULICOS - MC - 24 TRECHOS

O objetivo deste trabalho é o estudo de golpes de aríetes a serem usados na área de saneamento básico, onde o autor tem mais experiência.

DOWNLOAD ARQUIVOS EXCEL (CLIQUE NOS ÍCONES PARA REALIZAR O DOWNLOAD)

TRANSIENTES HIDRÁULICOS - MC - 100 TRECHOS V.2

TRANSIENTES HIDRÁULICOS - MC - 30 TRECHOS

TRANSIENTES HIDRÁULICOS - MC - 150 TRECHOS

TRANSIENTES HIDRÁULICOS - MC - 50 TRECHOS

Livro: Rede de Água

Este livro denominado Rede de Água resultou de curso ministrado no SAAE em 2008 com 64h.

Livro: Rede de Esgoto

Este livro nasceu do Curso de Rede de Esgotos ministrado no SAAE de Guarulhos em 2008 com 64 horas de duração. O livro destina-se a engenheiros, arquitetos e tecnólogos que trabalham nos municípios pois fornecem elementos e base para que se façam manuais ou guias para o problema do manejo de águas pluviais

Livro: Autodepuração dos Cursos de Água

O objetivo destes textos é a análise simplificada da qualidade das águas em rios e lagos usando planilha tipo Excel. Não incluímos os estuários. Os modelos complexos geralmente são utilizados por especialistas.

Livro: Conservação da Água

Existem no mundo duas grandes associações de água: AWWA e IWA. A primeira tem sede nos Estados Unidos e a segunda é européia com sede em Londres. No que se refere a perdas de água o conceito válido em todo o mundo com exceção do Japão, é o da IWA.

Livro: Aproveitamento de Água de Chuva

No livro “Conservação da água” lançado em 1999 escrevemos um capítulo referente a água de chuva. Vários amigos e estudantes sugeriram que eu o ampliasse e daí nasceu este livro. Temos conhecimentos de um número enorme de engenheiros por toda a parte do Brasil que estão se dedicando ao assunto da captação da água de chuva. Inúmeras dissertações de mestrados e teses de doutoramento estão sendo feitas, o que mostra o interesse pelo assunto.

Livro: Poluição Difusa

O objetivo do presente trabalho é mostrar a importância da poluição difusa em áreas urbanas, que é responsável por 25% da poluição total dos cursos de água no Brasil e que há solução para o problema através das chamadas BMPs que são as medidas ótimas de gerenciamento de poluição difusa.

Livro: Escada hidráulica

Apresento dois modelos novos de escada hidráulica tipo Skimming flow e Nappe flow

Livro: Análise de Incertezas

Costumava antes, dar um “chorinho” no dimensionamento de uma bomba centrifuga, alterando um pouco a vazão e a altura manométrica. Mais tarde, examinando “O método de Análise de Incerteza de Primeira Ordem” consegui justificar os ajustes práticos.

Livro: Estabilidade de Talude

O objetivo é ensinar um método simples para achar o fator de segurança em taludes de rios, córregos e canais de irrigação em terra. O canal estado cheio e quando esvazia rapidamente, oferece problemas de cisalhamento principalmente no abaixamento.

Livro: Jardim de Chuva V.2

•Estruturas cinzas (gray infrastructure stormwater): são as estruturas tradicionais usadas: bocas de lobo, tubulações de concreto ou PVC, reservatórios de detenção, bueiros, etc.
•Estruturas verdes (green infrastructure stormwater): as estruturas chamadas verdes como: trincheira de infiltração, reservatório de infiltração, reservatório de detenção estendido, filtro de areia, rain gardens, bioretentions, wetland, etc.

DOWNLOAD DE ARQUIVOS POWER POINT (CLIQUE NOS ÍCONES PARA REALIZAR O DOWNLOAD)

JARDIM DE CHUVA COM BACIA DE INFILTRAÇÃO

JARDIM DE CHUVA COM FILTRO DE AREIA

JARDIM DE CHUVA COM TRINCHEIRA DE INFILTRAÇÃO

JARDIM DE CHUVA COM RESERVATÓRIO DE

DETENÇÃO ESTENDIDO

JARDIM DE CHUVA COM VALA GRAMADA

 (SWALE)

JARDIM DE CHUVA COM POÇO DE INFILTRAÇÃO

Livro: Organização de Sistemas de Operação e Manutenção de Água e Esgoto

Escanei as 14 páginas de apostila feita de resumo de aulas na CETESB em 1976 a respeito da Organização de sistemas de operação e manutenção, baseado na OPS (Organización Panamericana de la Salud).

Livro: Cálculos hidrológicos e hidráulicos para obras municipais 2

Vamos relembrar alguns conceitos fundamentais de irrigação e de evapotranspiração.  Introduzimos alguns conceitos do LEED - Green Building para paisagismo. Os capítulos foram feitos de maneira que possam ser lidos independentemente um do outro.

Livro: Canais

Trata-se de estudos de canais calculados usando a fórmula de Manning de várias maneiras, inclusive usando o método da Tensão Trativa. Também existe a fórmula universal de Darcy-Weisbach.

Livro: Cálculo de Vazões

Mostramos diversos métodos hidrológicos de cáculo de vazões, desde o método racional até o método de Sneider, Clark, SCS e TR-55.

Livro: Poluição Difusa 2

O objetivo do presente trabalho é mostrar a importância da poluição difusa em áreas urbanas, que é responsável por 25% da poluição total dos cursos de água no Brasil e que há solução para o problema através das chamadas BMPs que são as medidas ótimas de gerenciamento de poluição difusa.

Livro: Reservatórios

Trata-se de estudo de reservatórios e falhas.

Livro: Transporte de Sedimentos

Trata-se de um método da fórmula universal de transporte de sólidos RUSLE, do método Yang e outros.

Livro: Dissipador de Energia 1

O objetivo é o uso de dissipadores em obras hidráulicas de pequeno porte, que são aquelas cuja vazão específica seja menor ou igual a 8m3/s/m.

Livro: Dissipador de Energia 2

O objetivo é o uso de dissipadores em obras hidráulicas de pequeno porte, que são aquelas cuja vazão específica seja menor ou igual a 8m3/s/m.

Livro: Bueiros ou Travessias V.02

Bueiros são travessias em estradas e ruas.

AGRU (Agência Reguladora de Saneamento Básico de Guarulhos)

São os Regulamentos Técnicos de Água Potável, Esgoto Sanitário, Manejo de Águas Pluviais e Resíduos Sólidos.

Livro: Drenagem Subterrânea​ V.02

Em hidrologia há dois tipos de drenagem: superficial e subterrânea.

Livro: Infiltração e Dry Well

Mostra as técnicas atuais de Infiltração.

Livro: Leed

A certificação LEED promove 30% de economia de água, 30% de economia de energia elétrica e melhoria na qualidade de vida.

Livro: Cálculos hidrológicos e hidráulicos para obras municipais 3

Entropia do CN, Análise de Q do SCS e Análise de Incerteza do Tempo de Concentração.

Downloads free

 

Livro: Bacia de Infiltração

O reservatório de infiltração é uma área escavada com vários objetivos:
a) Recarga da água subterrânea, c
b) Melhoria da qualidade das águas pluviais
c) Controle de enchente
d) Efluente com vazão de pré-desenvolvimento ou vazão nula ou quase nula, infiltrando tudo no local
e) Mistura de vários objetivos

Livro: Caixa de Sedimentação

O objetivo deste capítulo é dimensionar a caixas de sedimentação e mostrar algumas peculiaridades. Em muitos lugares antes da caixa de sedimentação é feita uma caixa de sedimentação de sedimentos grosseiros, de modo geral, maiores que 5mm. Mas não são todos os lugares em que é preciso a caixa de sedimentos grosseiros.

Livro: Condutividade Hidráulica em Função do Diâmetro da Partícula

Ao se fazer um projeto de infiltração, como bacia de infiltração, trincheira de infiltração ou dry well, precisamos saber a condutividade hidráulica K. Normalmente é usado o método do duplo anel. Vamos apresentar um método diferente, que é obter a condutividade hidráulica baseada na amostra granulométrica do solo.

Livro: Forças hidrodinâmicas e hidrostáticas

As forças hidrostáticas são conhecidas de todos. Entretanto existem forças dinâmicas que atuam em um vertedor tipo Stilling Basin na laje plana atuando para levantamento da mesma e atuando nas paredes laterais.

Livro: Erosão e ravinas

Trata-se de estudos de erosão laminar: ravinas e boçorocas, bem como aplicação do RUSLE e dimensionamento de camalhão.

Livro: Drenagem longitudinal e transversal em canais

Em canais revestidos de concreto são muito importantes as juntas de dilatação e a drenagem transversal e longitudinal para evitar aplift (levantamento).

Livro: Ecobueiros e Torre

No Brasil de modo geral quando dimensionamos um bueiro esquecemos de deixar passagem para peixes e pequenos animais, daí apresento os ecobueiros cujo nome tirei da língua alemã. Apresento também o estudo de torres de captação ou monge para passagem de tubulação sob um barramento.

Livro: Estatística e análise de incertezas

Trata-se de métodos estatísticos de Nash e Fisher para modelos hidrológicos. Temos ainda as incertezas do método racional e do Soil Conservation Service.

Livro: Piping in Dams

Cerca de 50% das falhas em barragens são devidas ao Piping em barragens. São caminhos no maciço da barragem que passa água infiltrada e forma um tubo, levando os sedimentos.

Livro: Dam Break

São métodos simples de calcular a vazão máxima de rompimento de uma barragem e as enchentes que estarão a jusante causando inundações.

Livro: Medidas Mitigadoras de Enchente

Segundo Linsley e Franzini:

Mitigar: ato de diminuir a intensidade de algo, fazer com que fique mais brando. Aliviar, atenuar.

Mitigar: termo primeiramente usado na Austrália, pois, nunca poderemos ter certeza absoluta que iremos resolver o problema.

Livro: Transporte de Sedimentos em Irrigação

Existe poucas informações de transporte de sedimentos em canais para irrigação. Motivo deste texto.

Livro: Canal com Riprap e PV com degrau

Conforme FHWA, 1989 a definição de riprap é a seguinte: é um revestimento flexível de um canal da base ou das margens, podendo ser de rochas, pedações de concreto, ou outro material lançado ou colocado manualmente, para proteção da erosão.

Tenho pesquisado o assunto há anos e achei um texto de Ma et al, de dezembro de 2017, que mostra que o degrau pode chegar até 8,00m de profundidade.

 

INSTITUCIONAL

  • LinkedIn ícone social
  • Facebook
 

Rua Etelvina, 93 - Vila Rosália

Guarulhos

+55 (11) 98181-6484

CONTATO

Copyright by ® PLÍNIO TOMAZ

2020